CRIAÇÃO DE RÁDIOS WEB,S

DJAIR NOGUEIRA 85-985009910

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Com folha de R$ 70 mil, Ferroviário quer voltar a ser a terceira força no CE

Garotos do sub-20 serão a base da equipe no Estadual. Nova gestão coral se planeja para 2013 desde julho e pré-temporada já começa neste mês, Matéria de Marcos Montenegro Fortaleza, CE

O planejamento do Ferroviário para 2013 começou cedo, mais especificamente em julho de 2012, com a chegada do técnico Gilson Maciel ao clube. Ele assumiu a equipe Sub-20 para a disputa do Estadual da categoria e já começou a dar a cara do Tubarão da próxima temporada. A base do time será formada pelos garotos que se destacaram e foram vice-campeões no Cearense Sub-20.

Com início da pré-temporada agendado para 26 de novembro, a diretoria do Ferroviário diz ter ainda quatro contratações praticamente certas: um lateral-esquerdo experiente, dois meias e um atacante com retrospecto de artilheiro em um estadual da Região Norte. Um zagueiro e um goleiro também são procurados pelo clube.

Os nomes, por enquanto, não são revelados, mas, de acordo com o diretor de futebol, Evandro Gomes, a folha salarial será de cerca de R$ 70 mil. O suficiente, acredita o dirigente, para recolocar a equipe como terceira força do futebol no Estado do Ceará, desbancando o ascendente Horizonte, além de Icasa, Guarany de Sobral e Guarani de Juazeiro.

- A gente não fala em título. Nossa meta é reposicionar o clube como terceira força. Se a gente ficar em terceiro ou quarto, vai ser uma meta cumprida, buscando vaga na Copa do Brasil e na Série D do Campeonato Brasileiro - explica Evandro Gomes.

Luta contra as dificuldades dentro e fora de campo

A luta do Ferrão, no entanto, vai além do campo. A diretoria trabalha para sanar dívidas herdadas de gestões anteriores. Pendências judiciais comprometem as receitas do clube que precisará, também, enfrentar um forma de disputa que não agrada os planos da diretoria.

Não existia coisa pior para acontecer. Fizeram para matar. Não entendo como um clube, tirando Ceará e Fortaleza, aceita uma fórmula dessa (veja aqui), pagando para jogar. Só viagens pra Região do Cariri, o Ferroviário vai ter seis. Em cada uma delas, se gasta no mínimo R$ 7 mil reais - calcula o diretor de futebol.

À frente desde o fim do Cearense de 2012, a nova gestão coral trabalha com a ideia do 'bom e barato', indo contra as ações da diretoria anterior. Em entrevista ao GLOBOESPORTE.COM/CE, Evandro Gomes informou que este ano foi o de maior arrecadação do clube. No entanto, não souberam administrar a renda.

- Contrataram três times e o Ferroviário foi rebaixado (salvou-se no tapetão). Se você fizer um levantamento, pegar todos os jogos, 2012 foi o ano que o time mais arrecadou - com bilheteria, cota de TV e patrocínio - e também mais se endividou. Isso mostra a incompetência da gestão anterior.

A escolinha e os conselheiros são as únicas fontes de renda até que o novo estadual comece. Sem verba, o Tubarão precisa se privar de jogar no seu próprio estádio, a Vila Olímpica Elzir Cabral. Ele havia sido liberado para a Taça Fares Lopes, mas o laudo do Conselhor Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) expirou no dia 31 de outubro e o Elzir Cabral voltou a ser interditado.

Para que a torcida visse seu time atuar dentro de casa, literalmente, a diretoria teria que desembolsar no mínimo R$ 100 mil para investir no gramado. Se o dinheiro existisse, era necessário, ainda, que o campo ficasse pelo menos três meses sem ser utilizado, o que torna tudo mais inviável. Por conta disso, a equipe jogará apenas no Estádio Presidente Vargas, administrado pela Prefeitura de Fortaleza.

No PV, a nova cara do time está garantida pelo menos se o vestuário for levado em conta. A camisa preta, sucesso de vendas em 2008 e 2009, será resgatada, como segundo uniforme. O primeiro segue com o tradicional branco e as faixas na horizontal. A diretoria também estuda a possibilidade do lançamento de um terceiro uniforme, em alusão aos 80 anos do Ferroviário, que será comemorado em 2013.

O clube estreia no Cearense no dia 6 de janeiro, contra o Crato, às 16 horas (local). Veja as fotos da matéria no link, 

http://globoesporte.globo.com/futebol/times/ferroviario/noticia/2012/11/com-folha-de-r-70-mil-ferroviario-quer-voltar-ser-terceira-forca-no-ce.html

 

Nenhum comentário: