CRIAÇÃO DE RÁDIOS WEB,S

DJAIR NOGUEIRA 85-985009910

terça-feira, 26 de outubro de 2010

PAI CORUJA

 JONATHAN VOCÊ MERECE DESTAQUE AQUI NO BLOG, SEMPRE SEREI UM PAI CORUJA DE VOCÊS FILHOS.
FALAR DE CRIMINALIDADE COMO GENTE GRANDE, DA MANEIRA QUE VOCÊ ESCREVEU MERECE DIVULGAÇÃO.
PARABÉNS MEU FILHO JONATHAN CAVALCANTE

4ª AVALIAÇÃO PROGRESSIVA DE LÍNGUA PORTUGUESA – PRODUÇÃO TEXTUAL

INSTRUÇÕES:

  1. Escolha uma das propostas e elabore sua redação em, no mínimo, 20 (vinte) linhas.
  2. Não precisa colocar título.
  3. Use o rascunho para organizar suas idéias.

C R I M I N A L I D A D E (Texto Adaptado)

Nos últimos tempos vêm ocorrendo intensas discussões a propósito dos meios de combater a violência praticada por menores, nas grandes cidades. Um exemplo é a divergência entre Nilton Cerqueira (Secretário Estadual de Segurança do Rio de Janeiro) e Benedito Mariano (Ouvidor da polícia de São Paulo)

O Estatuto do Adolescente, como está hoje, é uma lei de proteção aos infratores. Quem rouba os tênis das crianças que vão ao colégio? Quem assalta as crianças nos ônibus? São os menores infratores. A lei acaba deixando desprotegida a maioria, que são vítimas. Os infratores ficam em liberdade por causa da impossibilidade de uma atuação serena e enérgica dos policiais. (General Nilton Cerqueira).

No Brasil é muito comum que as questões sociais não resolvidas se transformem em questões de polícia. É o caso dos milhares de crianças (...) usadas pelos "pais" de rua, por maus policiais e, por narcotraficantes. (...) Onde estão as políticas públicas em nível nacional, estadual e municipal que proporcionem a prevenção à marginalidade e à delinqüência? (...) Não à penalização aos 14 ou 16 anos. (Benedito Mariano)

PROPOSTA 1

(X) (Unicamp – adaptado)

SE VOCÊ ACHA QUE:

  • Os menores de 18 anos não devem ser punidos penalmente, escreva uma carta ao General Nilton Cerqueira, rebatendo os argumentos por ele apresentados, contrapondo-lhes outros que justifiquem a posição que você defende;
  • Devem ser punidos penalmente os menores de 18 anos, escreva uma carta a Benedito Mariano, rebatendo os argumentos por ele apresentados, contrapondo-lhes outros que justifiquem a posição que você defende
;

PROPOSTA 2

( )

Ainda sobre a violência, elabore um texto narrativo em 3ª pessoa, contando a história de uma pessoa que passou pelo mundo do crime na infância, conseguiu superá-lo e vencer na vida. Conte as situações que levaram essa pessoa ao crime e como ela conseguiu sair do mesmo. Construa uma imagem positiva, mostrando que o crime não compensa.

 

RESPOSTA DO ALUNO JONATHAN CAVALCANTE

Fortaleza, 23 de Setembro de 2010.

Caro Sr. Benedito Mariano

Envio-lhe esta carta para mostrar-lhe o equívoco que o senhor cometeu ao dizer que jovens menores de 18 anos não deveriam ser punidos penalmente ao cometerem delitos.

Vossa senhoria argumentou que muitos jovens escolhem o caminho do crime, pois a política nacional, estadual e municipal não proporcionam a prevenção à marginalidade e a delinqüência. Correto, mas os jovens a partir de 15 anos de idade já adquiriram maturidade, ou estão adquirindo, suficiente para saber o que é certo ou errado, mesmo sem terem uma educação proveitosa eles sabem que roubar, furtar e matar são crimes sérios, que exige punições elevadas, mas eles também sabem que jovens menores de 18 anos não são punidos ao cometerem crimes, por isso continuam cometendo os delitos. Eles sabem que não serão punidos até que se crie uma lei para punir os menores de idade.

Por isso lhe digo que, jovens acima de 15 anos de idade deveriam ser punidos penalmente.

Atenciosamente. Jonathan Cavalcante

 

Nenhum comentário: